07 Jun 2022

Tom Cleber encanta multidões com sua nova música de trabalho: Gratidão, de Elias Muniz

Quanta honra ouvir Tom Cleber. Nessa canção, ele não só canta, ele também encanta e agradece!

Em um mundo cansado de queixas e tristezas, porque não ser grato? Grato sim, a uma força muito maior que tudo, algo que a gente não sente, não vê… E quem melhor que ele para nos fazer ouvir? Tom Cleber acalma, acalenta e sua musica atravessa barreiras.

Elias Muniz, compositor da obra, e Tom, uma grande amizade e admiração mútua que se torna realidade em forma de musica e musica boa!

Elias compositor conhecido no meio musical e Tom Cleber, com seu dom ímpar de fazer letra virar música, música que conecta…

“Eu amo seu amor, eu amo estar aqui, podendo admirar o céu, a terra, o mar e o sol a nos sorrir”. Confira, já disponível nas principais plataformas digitais

01 Jun 2022

Leyde e Laura lançam novo single: Tempo Ruim Pra Nós Não Tem, com participações pra lá de especiais!

A dupla Leyde e Laura, já tão conhecida, reconhecida e adorada no meio sertanejo, lança nessa sexta feira, 20 de Maio, o single “Tempo Ruim Pra Nós Não Tem”. O compositor da obra também dispensa apresentações, Paraíso, tão prestigiado no meio musical e dono de grandes sucessos (tanto como compositor, quanto intérprete).

A música, uma moda de viola raiz, retrata a alegria da cantoria, uma paixão divina, uma onda que vai e vem. O mundo abriu as cortinas pra viola feminina e a multidão também!

A dupla contou com participações pra lá de especiais… Além de Leyde e Laura darem voz à composição de Paraíso, outras três duplas sertanejas permitiram que a canção ficasse ainda mais encantadora: Jéssica & Juliana, Lizandra e Victória, Carol Viola & Duda Cintra! Vozes poderosas! Confira, está imperdível.

Comente, compartilhe! #musicaconecta

13 Set 2016

DVD Matogrosso & Mathias - 40 anos

O DVD da dupla Matogrosso & Mathias - 40 anos, veio para marcar história na música. Uma dupla que se manteve sólida durante essa trajetória, mesclando estilos musicais com originalidade e competência, em uma obra inspiradora e que contou também com participações mais do que especiais de Bruno & Marrone, Zé Henrique e Gabriel, Gusttavo Lima e João Carreiro.

31 Mai 2016

Mas eu sou músico, preciso mesmo de um site?

A Era Digital já provou que veio mesmo para ficar. Ela que, a bem pouco tempo atrás revolucionou a forma das pessoas se comunicarem e a cada dia, novas tecnologias aparecem, novas plataformas surgem e novas pessoas se conectam.


Trazendo isso para a realidade do mercado fonográfico, foi enorme a evolução que acompanhamos nos últimos 5 anos. Todo cantor ou banda atualmente, precisa estar antenado às redes sociais e ter sua música disponível nas plataformas digitais, e se você ainda tem dúvidas sobre a real necessidade disso, basta conversar com meia dúzia de pessoas para saber a opinião delas. Para nós, estar no digital tornou-se premissa básica.


Hoje em dia, boa parte dos artistas contam com um website, disponibilizam suas músicas nas principais plataformas digitais e também estão presentes (e atuantes) nas redes sociais (geralmente em mais de uma).


Mas aí você se pergunta: "tenho minha página no Facebook, tenho lá meus seguidores, interajo com as pessoas, coloco todas as informações sobre a minha carreira, e além de tudo, é de graça! Nossa, tá ótimo, pra que gastar dinheiro fazendo site, será que eu realmente preciso fazer isso?"


A resposta é bem simples: SIM, você precisa!


E porque?


1- Porque o website vai muito além da divulgação do seu trabalho, ele é o seu porto seguro. Imagine a seguinte situação, seu cliente é seu público e seu concorrente são os milhares de outros artistas, que como você, estão buscando espaço em um mercado cheio de talentos. Porque o publico visitaria a sua página em uma rede social? Por sorte? Cairia lá sem querer?


2- Onde você acha que seu público estaria mais atento ao som que você oferece: em um local cheio de distrações e outras músicas (rede social) ou em um local sem ruídos, focado no SEU trabalho e na divulgação da SUA obra (seu site)?


3- Hoje, a grande renda do artista é proveniente de shows. Imagine que você está tocando em um bar, em uma dessas tantas noites de trabalho, e um possível contratante se interessa pelo seu som. Acredite, é bem provável que mesmo antes da sua apresentação acabar e ele poder se deslocar até o palco para falar com você, é bem provável que ele “dê um Google” no nome da sua banda. E aí? O que ele vai achar? Qual será o primeiro resultado ao digitar o nome da sua banda no Google? Se você estivesse no lugar dele, que diferencial você encontraria sobre essa banda bacana tocando nesse bar nessa noite? E mais, dentre tantas bandas será que ele vai encontrar facilmente a sua no Facebook? Não existem outras no mundo com nome similar ao seu? Será que outros resultados podem confundi-lo? Pense nisso!


4- Você se lembra do Orkut? Ele foi criado em 2004 e desativado 10 anos depois, em 2014. Só aqui no Brasil, a rede chegou a ter mais de 30 milhões de usuários, sim 30 M I L H Õ E S!!!. Bom né? E, naquela época, quem diria que ele deixaria de existir? Quem garante que isso não possa acontecer com as redes atuais? E pior, isso pode acontecer de um dia para o outro, sem aviso prévio. Você está trabalhando e apostando as suas fichas em uma plataforma que não é sua? Agora pense que o SEU site é SEU! Somente SEU. Ele pode ficar desatualizado ou sair do ar, mas quem coloca ele de volta? Quem alimenta, quem atualiza? Pense nisso!


5- Ninguém aqui está defendendo que você tenha somente o site, só estamos dizendo que ele é primordial sim e que estar nas redes sociais se torna um complemento do trabalho e divulgação que o público e o contratante irão encontrar no seu site.


6- Além disso, ter um site ou estar nas redes, exige atenção e cuidados importantes. Por exemplo, não basta só ter o site, é preciso alimentá-lo, mantê-lo atualizado, ele tem que ser fácil de mexer e trazer informações relevantes. Escolha bem quem fará o seu site, porque do mesmo jeito que ele pode ser fator decisivo na hora da escolha pela sua banda, ele também pode minar qualquer possibilidade de ser vista como uma banda séria e comprometida. Isso vale também para as redes sociais, não basta estar lá, se você não estiver comprometido em divulgar seu trabalho de forma profissional.


7- Fazer um site, não pode ser visto como uma despesa e sim um investimento.


8- Pare de pensar que é caro de mais para você e peça agora um orçamento à nossa equipe!



Um grande abraço
Equipe MD Digital

Acesse nosso Portfólio e conheça um pouco mais dos nossos serviços

11 Dez 2015

Como receber do ECAD?

Essa é uma grande dúvida entre os músicos que estão iniciando carreira e não sabem exatamente como receber os direitos autorais de suas músicas, pelo Ecad.

10 Nov 2015

Marketing Digital... O que é isso mesmo?

Você curte postar informações sobre sua banda nas redes sociais? Isso é ótimo! Mas entenda porque a divulgação nessas mídias funciona melhor quando atreladas a uma boa campanha de marketing.

Newsletter

Não enviamos Spam.
Please wait

Atendimento

QUEM SOMOS

A MD Digital surgiu com a necessidade de oferecer aos artistas, acesso ao mercado digital, indo muito além da música, abrangendo todo tipo de publicidade e divulgação do artista no meio digital: distribuição da música na internet, design gráfico, criação e manutenção de website e assessoria digital completa. Nos especializamos no mercado digital no final de 2011 e hoje, oferecemos nossos serviços não só ao mercado fonográfico, mas também a todos que desejam tornar sua imagem mais profissional e sofisticada, não importando o tamanho da sua empresa. Prezamos por oferecer preços justos e cada orçamento é tratado individualmente, levando em conta a necessidade do cliente e seu plano de execução.

Onde Estamos

  • Av. José Giorgi, 280 Salas 4 e 5
  • Granja Vianna 2 - Cotia - SP
  • +55 (11) 2690-3213 / +55 (11) 2690-3223
  • +55 (11) 94341-0776 (WhatsApp)
Voltar ao Topo